CÂMARA MUNICIPAL DO MORENO - PERNAMBUCO

DESTAQUE DO MÊS

Câmara de Moreno repassa R$ 300 mil para a prefeitura investir em saúde.

Durante visita ao Hospital Beiró Uchôa na tarde da terça-feira (30), o presidente da Câmara de Vereadores de Moreno, Mozart Bruno (PSB), anunciou o repasse de R$ 300 mil para que a prefeitura invista na saúde do município. O montante é fruto de uma economia gerada nos últimos anos com o trabalho na eficiência financeira do legislativo.

Mais informações na sessão notícias.

ACESSO RÁPIDO

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

NOSSOS VEREADORES

CONHEÇA UM POUCO DA HISTÓRIA DA NOSSA CIDADE

A origem do município de Moreno data a chegada de dois portugueses, conhecidos como irmãos Moreno; um deles se chamava Baltazar Gonçalves Moreno, quanto ao outro não se guardou o nome. Chegando à localidade e, logo, compraram uma faixa de terras com a finalidade de se instalarem em engenho. Antes da realização do plano arquitetado veio a falecer um deles.

O segundo, de nome Baltazar, continuou insistindo até conseguir realizar o que havia pretendido anteriormente. No dia do funcionamento de engenho, emocionado por ver o trabalho concluído, sofreu um colapso e faleceu.

Em virtude da tragédia a propriedade foi vendida pelos herdeiros ao brasileiro, Antônio de Souza Leão. A 18 de dezembro de 1859 o novo proprietário recebia na casa-grande do engenho, a visita do imperador D. Pedro II que lhe conferiu o título de Barão de Moreno e a sua esposa, Dona Maria Amélia de Souza Leão, o de Baronesa.

Naquele tempo a sede do município era o engenho Catende, que foi vendido em 1910 a uma sociedade anônima de origem belga. Logo depois foi construída a fábrica de tecido denominada “Societá Contonière Belgo-Brasiliense “S.A”.